Bem Vindos

domingo, 31 de março de 2013

Fábulas populares

Título - A maravilhosa semente de pera e outras fábulas populares de todo o mundo
Autor:   Israel  Jelin
Editora: Edições Dubolsinho
Ano:      2009
                                          Fábula Afro-americana
                                  OS GUIZOS DA CASCAVEL
Quando Deus fez a cascavel, ele estava de bom humor, pois a fez muito colorida, vermelho , marrom, verde. ele queria que a cascavel enfeitasse a grama. Mas a cascavel não estava muito satisfeita com a sua condição, ela dizia que se tivesse asas, poderia voar, se tivesse nadadeiras, podia nadar como os peixes, mas a única coisa que poderia fazer é arrastar-se pelo chão. E isso não era tudo, sua vista era ruim e ela tinha que usar o nariz para encontrar o caminho. E seu nariz não era melhor que sua vista. Sua situação era difícil, pois os outros animais viviam pisando nela o tempo todo. A Sra Cascavel não estava nada contente e disse ao Sr. Cascavel." Você tem que fazer alguma coisa, não aguento mais ser pisada pelos outros animais". O Sr. cascavel disse," mulher, o que vamos fazer, o Senhor nos fez assim. Então vá lá e fale com ele, pois não aguento mais. Continue lendo ....

sexta-feira, 29 de março de 2013

Teatro da Paixão de Cristo - Capela São Roque Piraquara - PR


video

Capela São Roque- Teatro da Paixão de Cristo

 
Dia 29/03/2013
Capela São Roque
Piraquara  PR
Teatro da Paixão de Cristo

Receita de Torta de Sardinha

                              RECEITA

                   TORTA DE SARDINHA



2 cebolas picadas
4 tomates picados
1 lata de milho verde ou seleta de legumes
1 lata de sardinha com óleo
sal a gosto
2 xic. de trigo
3 ovos
1 xic. de azeite
1 colher de fermento
colocar tudo numa tigela, misturar bem e colocar para assar
Se vc quiser pode colocar sobra de frango, carne moída, e acrescentar cheiro verde.

Lançamentos de livros de 2013

InfernoToda Poesia     Starcraft - Ponto CríticoEm Busca de Um Final Feliz - Vida, Morte e Esperança Entre Os Barracos de Mumbai


o-fim-de-todos-nósno limite da atração



Capa do livro "Um Porto Seguro"Capa do livro "Por um Momento Apenas"Capa do livro "As Violetas de Março"Capa do livro "Questões do Coração"

segunda-feira, 25 de março de 2013

CURSOS PARA TODAS AS QUALIFICAÇÕES - ECID

Resumo do livro O Chapeuzinho Vermelho



Título :  O Chapeuzinho Vermelho
Autor  :  Cordélia Dias d'Aguiar
Coleção Fantasminha
Ediouro Editora


Era uma vez uma menina que todo mundo gostava principalmente a avó, que adora lhe dar presentes. Uma vez ele lhe deu um chapeuzinho  de veludo vermelho, que ela não tirava de jeito nenhum, por isso todo mundo a chamava de chapeuzinho vermelho.Um dia a mãe lhe pediu que levasse para a avó um pedaço de bolo, pois ela estava doente. A vó morava na floresta, longe dali e assim que chapeuzinho entrou no mato encontrou um lobo. Ela não sabia que era um lobo mau, por isso não teve medo.
_ Bom dia, chapeuzinho vermelho.
_ Bom dia, seu lobo.
_ aonde vai tão cedo?
- Vou visitar minha avozinha.
_ O que leva nesta cesta?
_ Guloseimas para vovó.
_ Onde mora sua avozinha?
_No meio da floresta.

O lobo pensou: que menina gorducha, deve dar um bom almoço, se eu for sabido vou conseguir comer as duas. Enquanto chapeuzinho vermelho se distraia colhendo flores pra levar para a sua vó, o lobo mau foi até a casa da vovozinha e bateu na porta, dizendo que era chapeuzinho vermelho. Ele entrou  foi até a cama onde a vó estava deitada fraca e doente e devorou-a. Depois vestiu todas as suas roupas e deitou-se na cama.
Logo chapeuzinho Vermelho chegou a casa da vó e encontrou a porta aberta, e então ela entrou, chegou perto da cama e achou a vó um pouco diferente.
_ Vovozinha, disse ela_ como as tuas orelhas estão grandes
_ São para te escutar melhor.
_ Mas, e os teu olhos, como estão grandes.
_ São para te ver melhor.
_ E as tuas mãos, como estão grandes.
_ Para te abraçar melhor.
_ que boca grande.
_ É para te comer melhor.

Mal acabou de dizer isso. o lobo mau deu um salto e engoliu a chapeuzinho vermelho. Depois de barriga cheia dormiu.
Um caçador passando por ali e pensou como a velhinha está roncando, acho melhor eu ir ver se precisa de alguma coisa. Entrou n acabana e quando chegou perto da cama, viu o lobo deitado.
_ Até que enfim te encontrou seu lobo.
_ Então quando ia dar um tiro no lobo, lembrou-se que talvez a velhinha estivesse viva na barriga do lobo. então pegou uma tesoura e começou a abrir a barriga do lobo adormecido.. Não demorou muito e viu a chapeuzinho vermelho chorando. Cortou mais um pouco e ela saiu dizendo de como era escuro lá dentro do lobo. Depois disso, a avozinha também saiu viva. Chapeuzinho vermelho foi na floresta trouxe um monte de pedras e encheu a barriga do lobo, quando ele acordou, quis correr e não consegui e caiu morto. Chapeuzinho vermelho nunca mais se desviou do caminho e entrou na floresta adentro.
Gostou, deixe um comentário.!!!!!


domingo, 24 de março de 2013

MEIO AMBIENTE

            Vamos Falar de Meio Ambiente


Resolvi publicar estas fotos para provocar em todos a vontade de discutir sobre o meio ambiente . Todos acompanhamos as tragédias que as chuvas tem provocados em diversos lugares do país. As vezes tragédias anunciadas, outras nem tanto. Estas fotos mostram o quanto as pessoas não se importam com o meio ambiente. Andando pelas ruas isso é só uma pequena parcela do que encontramos na  cidade , bueiros entupidos de terra, areia, bitucas de cigarro, mato etc...

ASFALTO

  A maioria dos moradores sempre pedem o mesmo para os governantes, asfalto nas ruas, mas de que adianta ter asfalto e os bueiros e meio fios se encontrarem nesta situação , estas ruas estão asfaltadas, mas quando vem a chuva, ela encontra pela frente um monte de entulho e as águas não tem para onde ir, com tanta impermeabilização do solo, fica difícil fugir das enchentes.


 FAÇA SUA PARTE

Cada um deve fazer sua parte, limpando a frente de sua casa, não jogando lixo nas ruas, separando o lixo , e tentando manter o ambiente em seu entorno o mais limpo possível, se cada uma fizer a sua parte com certeza evitaremos mais catástrofes ambientais. Incentive o seu vizinho a manter a frente de sua casa limpa, para que quando a  chuva  chegar ela seja motivo só de admiração, de um cochilo, de alegria, que ela não traga choro e desespero, inundação e tragédia.
Não diga que você não tem nada nada a ver com isso, todos somos responsáveis pelo bom andamento de nosso planeta.

sexta-feira, 22 de março de 2013

DIA MUNDIAL DA ÁGUA

     DIA 22 DE MARÇO
                         DIA MUNDIAL DA ÁGUA   


Em 22 de março de 1992 a ONU declara esta data como Dia Mundial da Água.
A data foi criada para concientizar a população mundial da necessidade do consumo consciente deste bem da humanidade. 
70% do planeta Terra é constituído de água, cerca de 2/3 da superfície terrestre é coberto de água, mas apenas 0,007% é própria para consumo humano e uso em processos industriais, o restante  97% é água salgada ou são inacessíveis por se encontrarem em geleiras e fontes subterrâneas.
 Gostaria de chamar a atenção para todos que estão lendo este artigo, que se conscientizem da necessidade urgente de economizar água potável.

DESPERDÍCIO DE ÁGUA
O grande desperdício de água é visível em nosso dia a dia, apesar de diversas campanhas, ainda existe nos dias atuais quem não se importe com  o gasto excessivo deste bem natural. Nos finais de semana, carros e calçadas lavadas com mangueiras de alta pressão, banhos, barbas, e escovação de dentes, com torneiras escancaradas sem o menor pudor. Quando é que vamos entender que a água está acabando e não esta se renovando, que atitudes tomamos para mudar isso, e não vermos as próximas gerações morrendo de sede, implorando por água. Nossa que exagero!  Sera?

ATITUDES PARA ECONOMIZAR ÁGUA

 Quantas atitudes simples poderíamos tomar para mudar este fato tão real e concreto? Custa muito desligar a torneira enquanto escovamos os dentes? Desligar o chuveiro enquanto nos ensaboamos, ou lavamos os cabelos, termos um banho mais rápido,desligar a torneira para lavarmos a louça,  não deixar goteiras nas torneiras, usar a água da lavagem de roupas para lavar calçadas, canis , até mesmo regar plantas. A água da chuva também pode ser usada para diversos fins.
 Uma das coisas que poderia mudar esta paisagem do gasto de água, seria se o governo mudasse a cobrança da taxa . Não deveria ter este mínimo de 10 metros, deveria pagar pelo que gasta. Eu já ouvi muita gente dizer :- Eu gasto mesmo, vou ter que pagar pelos 10 metros, então pra que economizar? Agora se o cidadão tiver que pagar por um litro de água, com certeza economizaria. Então vamos mudar nossos hábitos, pois a água é essencial a vida.
 No Nordeste a quantidade de água que eles tem para passar o dia inteiro, e o que nós gastamos num banho. Você    conseguiria passar assim? Pois eles tem que passar. Daí você vê as mangueiras jorrando água a vontade, tem gente que lava o asfalto na frente de casa, pode? Está na hora de mudar , você não acha?

 ENSINE AS CRIANÇAS A ECONOMIZAR

Ensine as crianças a ter o hábito de economizar água desde pequenas, para termos adultos mais ecologicamente corretos.
Autora: Marilise 

            

Incentive a leitura com a Livraria Cultura


Espalhe Cultura

script type="text/javascript" src="http://www.livrariacultura.com.br/scripts/cultura/externo/espalhe_cultura/?idlink=12123&idanuncio=8805">

quinta-feira, 21 de março de 2013

Resumo de Sanji e o Padeiro

Título : Sanji e o Padeiro
Autor  : Robin Tzannes  e Korky Paul
Ciranda Cultural Editora e Distribuidora

Quando Sanji era jovem viajou por muito lugares  e caminhou pelos quentes desertos, até que chegou a uma cidade chamada Fratsia, um lugar  muito lindo onde comerciantes trabalhavam com especiarias, jóias e tecidos coloridos. Então Sanji decidiu ficar ali por um tempo. Encontrou um quarto, pequeno, simples mas aconchegante, e o melhor, ficava bem acima da padaria.
     Na manhã seguinte Sanji acordou com o aroma  que vinha da padaria. Sanji foi até a sacada e respirou  fundo, inspirando e apreciando aquele aroma divino. Biscoitos de canela ele precisava de um.  
 Na padaria Sanji comprou o menor biscoito que havia. Ele comentou com o padeiro que ficava na sacada de seu quarto apreciando os aromas deliciosos da padaria. E assim ele fez por diversos dias, mas sem perceber que o padeiro o observava.
           Um dia o padeiro o acusa de roubar os aromas da sua padaria e queria que ele pagasse pelos aromas que Sanji sentia. Sanji disse ao padeiro que não tinha sentido a sua acusação, pois os aromas chegavam naturalmente. Como sanji se recusa a pagar o padeiro diz que vai levá-lo à corte. Assim, os dois foram à corte. O padeiro contou sua história, e o juiz o ouviu atento. O juiz  perguntou a Sanji se ele gostava daqueles cheiros e ele  disse que sim. Você já pagou por eles alguma vez? Ele disse que não. O juiz mandou os dois voltarem  no dia seguinte e disse a Sanji que trouxesse cinco moedas de prata. Ele emprestou daqui e dali e consegui as moedas. No dia seguinte lá estava Sanji de cabeça baixa e o padeiro todo feliz . O juiz perguntou se Sanji trouxe as moedas, ele disse que sim. O juiz pegou uma tigela de cerâmica e a colocou diante dos dois. E Disse para Sanji jogar as moedas, uma a uma, dentro da tigela.
 Para o padeiro ele falou : 
- Agora escute com atenção... A primeira moeda tiniu na tigela. A segunda tilintou, a terceira retiniu, a quarta soou, a quinta moeda ressoou ao juntar-se as outras.
O juiz voltou-se para o padeiro: 
- Você ouviu estas moedas tinirem e tilintarem? - Sim, respondeu o padeiro. e você gostou do som delas?
- Sim, disse o padeiro. Muito bom disse o juiz. Porque esse foi o seu pagamento. 
 Quanto a você, Sanji   pegue suas moedas de volta.
- Obrigado seu juiz , e assim Sanji seguiu seu caminho.

                   BOA  LEITURA!!!!!!!

         DEIXE SEUS COMENTÀRIOS!!!!

Livraria Cultura


terça-feira, 19 de março de 2013

DIA 19 de Março - Que Dia é Hoje

                                              Dia do Artesão
A palavra Artes definição da ciência sócio-cultural do folclore, por si só, estabelece a abrangência do conteúdo a ser abordado. Porém, nosso espectro de abordagem será mais amplo, transcendendo a definição de artesanato, contemplando todos os campos do folclore que possibilitem a geração de trabalho e renda: arte popular, literatura popular, danças e cantos, medicina popular, teatro popular e a citoplástica (arte comestível dos doceiros e quituteiras). 
                                                  Dia da Escola
Todo dia é dia de aprender, toda hora é válida para evoluirmos, e o Brasil necessita, mais do que nunca, desabrochar e espalhar o direito de toda criança de ter alcace aos livros.
n Dia de São José
Hoje é o Dia de São José. 
                     Dia do Diplomata
A diplomacia é a arte e a prática de conduzir as relações exteriores ou os negócios estrangeiros de um determinado Estado ou organização internacional. Geralmente, é empreendida por intermédio de diplomatas de carreira e envolve assuntos de guerra e paz, comércio exterior, promoção cultural, coordenação em organizações internacionais e outros.
Convém distinguir entre diplomacia e política externa - a primeira é uma dimensão da segunda. A política externa é definida em última análise pela Chefia de Governo de um país ou pela alta autoridade política de um sujeito de direito internacional; já a diplomacia pode ser entendida como uma ferramenta dedicada a planejar e executar a política externa, por meio da atuação de diplomatas.
As relações diplomáticas são definidas no plano do direito internacional pela Convenção de Viena sobre Relações Diplomáticas (CVRD), de 1961.
Figurativamente, ou de forma coloquial, chama-se diplomacia o uso de delicadeza ou os bons modos, ou, ainda, astúcia para tratar qualquer negócio.
 Dia do Marceneiro e Carpinteiro
Homenageados no mesmo dia do artesão, podemos considerá-los profissionais de técnicas interligadas, mas respeitando as diferenças, como o carpinteiro, um trabalhador mais geral, e o marceneiro, mais próximo da arte de criar formas.
 Dia dos Moribundos
É aquele que tem a sua sorte, Na espera num leito de morte. Espera que Deus lhe consagre No último instante um milagre.
Dizem que um encontro paranormal, É na verdade tudo muito real. O reencontro de pessoa querida Quando aguarda o fim de sua vida.
O moribundo diz naquele instante Que viu um visitante Que está a lhe esperar.
Todo doente observado, Nenhuma droga tinha tomado Alucinado não podia estar.
Publicado no site: O Melhor da Web em 31/05/2009 
Fonte: www.quediaehoje.net

História do livro e dos Sebos

A Engrenagem do Desenvolvimento

 
Se toda maquina conta com um componente indispensável, que faz com que tudo funcione perfeitamente, o livro poderia ser apontado como o principal mecanismo do mundo que conhecemos hoje. Um objeto capaz de guardar valiosas informações e colocá -las à disposição daqueles interessados em ler.
Foi ele o responsavel pela transmissão do conhecimento através das gerações. Com esse advento, não era mais nescessário que uma pessoa ensinasse algo diretamente a outra. O aprendizado poderia acontecer à distância, sem a presença do tutor. O livro elevou a importância da escrita a outro nível e colaborou com a propagação do conhecimento.
No ínicio, os livros eram produzidos de forma lenta, pois a escrita era manual. Na idade média, monges da igreja católica dedicavam a vida a copiar livros. Como a produção de uma cópia levava anos, os exemplares eram extremamente caros. Apenas membros do clero e da nobreza tinham acesso a eles.
O primeiro passo em direção a democratização do livro foi dado pelo inventor alemão Johannes Gutenberg, que aperfeiçou tecnicas já existentes de impressão e desenvolveu a primeira máquina capaz de produzir diversas cópias de um livro em um tempo relativamente curto.
Ele desenvolveu pequenos blocos de metal para representar cada letra ou sinal gráfico. Essas peças, chamadas de tipos móveis, eram combinadas para formar palavras. Assim, a página de um livro era montada em uma grande chapa e bastava apenas imprimir o conteúdo do papel, como um carimbo. Em 1455, Gutenberg apresentou ao mundo uma edição da Bíblia produzida em sua "prensa". Foi o primeiro livro de uma nova era.
Surge, então, um novo segmento industrial, com empresas especializadas na produção dos livros, as editoras. O produto passou a atrair mais leitores e, assim, espalhar o conhecimento. Foram inumeras melhorias na parte grafica e estrutural dos livros para que as informações geradas pelo escritor pudessem chegar da melhor forma até o público. Cada vez mais leves, bonitos, acessíveis e faceis de manusear, os livros da atualidadesão o ápice de mais de 500 anos de trabalho e pesquisa.
Hoje o livro chegou a tal ponto que transcedeu, inclusive, o meio físico. A empresa americana de comércio na internet Amazon lançou recentemente o "Amazon Kindlle", um dispositivo portátil com conexão sem fio desenvolvido especialmente para a visualização de livros eletrônicos, que podem ser baixados da internet.
A tela busca reproduzir o aspecto de uma folha impressa, para que a luminosidade não canse a vista do leitor. Em apenas um aparelho - leve o suficiente para ser segurado com uma mão -, o leitor pode carregar o conteúdo de uma biblioteca inteira. Trata-se mais avançada tecnologia desenvolvida nesse sentido.
No entanto, isso não significa o fim das tradicionais obras de papel. É comum ouvir dos aficcionados por livros que o objeto faz parte da experiência de ler. Aspectos como o peso, textura, coloração do papel, diagramação e até o cheiro influenciam na percepção do conteúdo e fazem parte da viagem proporcionada pela leitura. Características como essas garantem a continuidade da produção de um objeto que mudou os rumos da humanidade.

Você sabia?
O Dia Nacional do Livro é comemorado em 29 de agosto, aniversário da fundação da Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro. O acervo foi criado com a transferência de 60 mil itens - entre livros, mapas, manuscritos e medalhas - da Real Biblioteca de Portugal para o Brasil. O ano oficial da criação é 1810. Trata-se da maior Biblioteca da América Latina.


Fonte : www.Blog.livronet.com.br

segunda-feira, 18 de março de 2013

Poesia de Cecília Meireles



                       Não digas onde acaba o dia.
                       Onde começa a noite.
                       Não falas palavras vãs.
                       As palavras do mundo.
                       Não digas onde começa a terra,
                       Onde termina o céu.
                       Não digas até onde és tu.
                       Não digas desde onde é Deus.
                       Não fales palavras vãs.
                       Desfaze-te da vaidade triste de falar.
                       Pensa, completamente silencioso.
                       Até a glória de ficar silencioso,
                       Sem pensar.
                  

Cecília Meireles - Poesia

                 
                                 Não fales as palavras dos homens
                                 Palavras com vida humana,
                                 Que nascem, que crescem, que morrem,
                                 Faze a tua palavra perfeita.
                                 Dize somente coisas eternas, 
                                 Vive em todos os tempos
                                  Pela tua voz.
                                 Sê o que o ouvido nunca esquece.
                                 Repete-te para sempre.
                                 Em todos os corações.
                                 Em todos os mundos.


Livro: Cânticos
Autora : Cecília Meireles
Editora : Moderna   12ª edição 1982
Coleção Veredas

BURT BACHARACH - Rainddrops Keep Falling on My head



        Apresentação dia 16/04/2013 no Teatro Positivo
        Curitiba  Paraná

Café- Curiosidade

 O Café não deve ser preparado com água fervente.




Apesar de o café ser geralmente passado com água fervente, estudos químicos indicam que a temperatura ideal para preparar a infusão de café é de 95 a 98 graus centígrados. Ou seja, alguns instantes antes da fervura. A água fria demais não extrai óleos essenciais e cafeína suficiente dos grãos, enquanto que a água fervente provoca um elevado aumento do índice de acidez da bebida, prejudicando seu sabor.


Fonte: www.quediaehoje.net

quarta-feira, 13 de março de 2013

Resumo do Conto A CARTOMANTE de MACHADO DE ASSIS

 TÍTULO  :  A Cartomante
 AUTOR :   Machado de Assis
 EDITORA:  Sivadi  Editorial

                                             A CARTOMANTE

O livro conta a história de três amigos Vilela, Camilo e Rita. Os dois amigos eram amigos de infância Vilela segui a carreira de magistrado.
 Camilo entrou no funcionalismo, contra a vontade do pai que queria que fosse médico., mas o pai morreu e Camilo preferiu ser nada, mas a mãe lhe arranjou um emprego público. Um dia Vilela volta casado e Camilo lhe arruma uma casa. 
Camilo, dento de seu ser acha a mulher do amigo muito interessante.Ela um pouco mais velha que os dois amigos.Uniram-se os três. Convivência trouxe intimidade. Pouco depois morreu a mãe de Camilo e o casal mostra-se muito amigável com Camilo. A partir daí Rita e Camilo se envolvem mais do que amigos. Liam os mesmos livros, jogavam dama, xadrez. Cada vez se envolvem mais.Camilo tenta fugir mas não consegue mais.Um dia porém Camilo recebe uma carta anonima, que lhe chamava de imoral e pérfido , e dizia que a aventura era sabida de todos.Camilo teve medo, e, para desviar as suspeitas, começou a rarear as visitas à casa de Vilela. Ele notou a ausência do amigo e Camilo lhe disse que era uma paixão que ele tinha e que lhe roubava o tempo. As visitas cessaram. Rita desconfiada e medrosa, correu à cartomante para consultá-la sobre a verdadeira causa do procedimento de Camilo, a cartomante disse que estava tudo bem. Camilo recebeu mais algumas cartas e teve medo que o autor delas fosse contar ao seu amigo a traição. Mas um dia Vilela começou a mostrar-se distante, sombrio, falando pouco. Rita avisa o amante e diz que seria melhor ele voltar a frequentar a casa, mas  Camilo acha que não é conveniente depois de tanto tempo aparecer. 
No dia seguinte Camilo recebe um bilhete do amigo, pedindo que vá a seu encontro na casa o mais urgente possível.  Ficou apavorado, pensando de tudo, se ia ou não, o que será que ele queria falar com ele e tantos pensamentos mais. Mas tomou coragem e foi. Tentou falar com Rita antes, para ver se ela sabia o motivo do chamado, mas não teve resposta dela.
 Resolver ir. 
No  caminho um acidente com uma carroça interrompe sua ida. Por coincidência ele para em frente a casa da cartomante.
 Reluta, mas acaba indo se consultar com ela. Ela tira as cartas para ele, e diz que está tudo bem, que não vai acontecer nada, que o romance dos dois é seguro, etc... Ele paga a consulta e vai para a casa do amigo mais confiante e feliz. 
Deve ser sobre negócios o assunto importante. Quando chega a casa de Vilela , ele entra e o amigo o chama para uma sala, quando abre a porta ele grita de terror: ao fundo estava Rita morta e ensanguentada. Vilela pegou-o pela gola, e com dois tiros , estirou-o morto no chão .


                                  FIM


 

Novo Papa já está eleito

     
Acesse este link sobre o novo Papa


http://r7.com/qOnf

terça-feira, 12 de março de 2013

12 de Março - Dia do Bibliotecário


Dia do Bibliotecário
O Bibliotecário usa técnicas e conhecimentos para catalogar, classificar, atualizar e conservar acervos, e não apenas de bibliotecas. É o responsável pelo planejamento, implantação e organização de centros de documentação. Ele também ordena coleções de livros, cds, discos, mapas e etc, além de orientar o usuário na busca de informações e do material desejado.

segunda-feira, 11 de março de 2013

Resumo - O Baú Voador - Hans Christian Andersen -

Título :   O Baú Voador
Autor :   Hans Christian Andersen
Editora : Rideel
Coleção : Conta pra mim

    Muito tempo atrás, em um reino distante havia um mercador muito rico, pois ele guardava tudo que ganhava em seus negócios.     
Quando ele morreu deixou seu dinheiro para seu filho único que começou a gastar toda sua fortuna. Tanto gastou que acabou sem nada, e sem amigos também. Um único amigo lhe deu um baú mágico, com uma mensagem que dizia: use o baú voador  e mude-se para outra cidade.
O rapaz enfiou-se no baú e começou a voar, até que chegou na Turquia, deixou o baú na mata escondido e foi caminhar na cidade mais próxima. 
No centro da cidade havia um enorme castelo, com janelas muito altas e vigiado por muitos guardas. Ele perguntou a alguns homens, porque o castelo tinha janelas tão altas e era tão vigiado? 
Eles disseram que o castelo pertencia a um rei e que na torre, mora sua filha. quando ela nasceu um mago previu que seria muito infeliz por causa de um certo noivo. Por isso, os pais a trancaram na torre.
 O jovem voltou pra mata, pegou o baú e voou até a janela do castelo e entrou, a princesa estava dormindo ,ele não resistiu , a beijou e ela acordou assustada.
 Ele lhe disse que era o deus dos ares. Sentou a seu lado e lhe contou várias histórias e por fim perguntou se ela queria se casar com ele. 
Ela aceitou, mas ele precisava da aprovação dos pais dela. Ela pediu que voltasse no sábado a tarde para conhecer o rei e a rainha. 
Ele concordou. E ela lhe disse que os pais gostavam de ouvir histórias, divertidas e instrutivas. 
Conforme combinado, ele lá estava na hora e dia marcado. Ele contou-lhes diversas histórias e eles ficaram felizes e concederam a mão da princesa em casamento. 
Mensageiros reais espalharam a notícia do casamento por todos os lugares. 
O noivo animado resolveu estourar fogos de artifícios para comemorar o casamento. Entrou no baú voador e foi bem alto para estourar os foguetes. Depois desceu e escondeu o baú na mata e foi a cidade ver o que todos acharam do espetaculo.  Continue lendo...

O DIA DE HOJE 11/03/2013

Dia da Motocicleta e do Motociclista 

O primeiro motor de três ciclos foi construido pelo inglês Edward Butler, em 1884, e a primeira motocicleta que apareceu em público foi montada pelo alemão Gottlieb Daimler, residente em Kannastatt, em 1885. A motocicleta não teve grande difusão até 1896, quando os veículos que trafegavam nas estradas da Inglaterra foram dispensados de levar um homem com uma bandeira vermelha à frente, e puderam desenvolver uma velocidade de até 22,5 km/h, em vez de 6. 


sexta-feira, 8 de março de 2013

Meu Altar


Este é um altar simples mas que expressa minha fé.
Nele tem um presente que ganhei da minha amiga Larissa, a imagem da sagrada família.

História do Dia Internacional da Mulher





História do 8 de março dia 

internacional da mulher


No Dia 8 de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos, situada na cidade norte americana de Nova Iorque, fizeram uma grande greve. Ocuparam a fábrica e começaram a reivindicar melhores condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho.
A manifestação foi reprimida com total violência. As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Aproximadamente 130 tecelãs morreram carbonizadas, num ato totalmente desumano.
Porém, somente no ano de 1910, durante uma conferência na Dinamarca, ficou decidido que o 8 de março passaria a ser o "Dia Internacional da Mulher", em homenagem as mulheres que morreram na fábrica em 1857. Mas somente no ano de 1975, através de um decreto, a data foi oficializada pela ONU (Organização das Nações Unidas).
Objetivo da Data 
Ao ser criada esta data, não se pretendia apenas comemorar. Na maioria dos países, realizam-se conferências, debates e reuniões cujo objetivo é discutir o papel da mulher na sociedade atual. O esforço é para tentar diminuir e, quem sabe um dia terminar, com o preconceito e a desvalorização da mulher. Mesmo com todos os avanços, elas ainda sofrem, em muitos locais, com salários baixos, violência masculina, jornada excessiva de trabalho e desvantagens na carreira profissional. Muito foi conquistado, mas muito ainda há para ser modificado nesta história.

Conquistas das Mulheres

Brasileiras 
Podemos dizer que o dia 24 de fevereiro de 1932 foi um marco na história da mulher brasileira. Nesta data foi instituído o voto feminino. As mulheres conquistavam, depois de muitos anos de reivindicações e discussões, o direito de votar e serem eleitas para cargos no executivo e legislativo.

Marcos das Conquistas das

Mulheres na História 
 
- 1788 - o político e filósofo francês Condorcet reivindica direitos de participação política, emprego e educação para as mulheres.
- 1840 - Lucrécia Mott luta pela igualdade de direitos para mulheres e negros dos Estados Unidos.
- 1859 - surge na Rússia, na cidade de São Petersburgo, um movimento de luta pelos direitos das mulheres.
- 1862 - durante as eleições municipais, as mulheres podem votar pela primeira vez na Suécia.
- 1865 - na Alemanha, Louise Otto, cria a Associação Geral das Mulheres Alemãs.
- 1866 - No Reino Unido, o economista John S. Mill escreve exigindo o direito de voto para as mulheres inglesas
- 1869 - é criada nos Estados Unidos a Associação Nacional para o Sufrágio das Mulheres
- 1870 - Na França, as mulheres passam a ter acesso aos cursos de Medicina.
- 1874 - criada no Japão a primeira escola normal para moças
- 1878 - criada na Rússia uma Universidade Feminina
- 1901 - o deputado francês René Viviani defende o direito de voto das mulheres 

Fonte www.suapesquisa.com