Bem Vindos

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Poesia de Carlos Drummond de Andrade

                                          PARA SEMPRE



Porque Deus permite
que as mães vão embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não se apaga quando sopra o vento 
e chuva desaba,
veludo escondido
na pele enrugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.
Morrer acontece
com o que é breve e passa
sem deixar vestígio.
 Mãe, na sua graça,
é eternidade.
Por que Deus se lembra
-mistério profundo-
de tirá-la um dia?
Fosse eu Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre junto de seu filho
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho.

Fonte:   Poesia Completa        Volume único
              Carlos Drummond de andrade
            Editora Nova Fronteira

FEIRA DO LIVRO DE JOINVILE

— Não há varinha de condão ou língua do Espírito Santo que nos torne leitores. A leitura é uma conquista histórico-cultural que as pessoas precisam aprender para conseguir executar. Se a gente quiser que vá além da alfabetização, é preciso que haja prazer no ato.

Nas palavras da escritora mineira Maria Antonieta Cunha, curadora da 11ª Feira do Livro de Joinville, lançada nesta segunda-feira, na Acij, um resumo do tema da próxima edição _ O Prazer da Leitura _, que ocorre de 4 a 14 de abril do próximo ano.


O Prêmio Joinville de Literatura, focado na produção de textos, será estadual. Ele se divide em conto, crônica e poesia para adultos, e conto, poesia, teatro e novela para o público infantojuvenil.



Outro concurso envolve a produção de projetos escolares a partir da leitura densa, intensa e significativa de livros. Ele se divide em quatro modalidades (da 1ª a 4ª série do ensino fundamental; da 5ª a 9ª série; ensino médio; e universidade) e premia tanto estudantes envolvidos quanto professores.

— Temos a preocupação de já apresentar o projeto às escolas para que, de agora em diante, os professores pensem em levar os autores para a sala de aula, criando um vínculo entre o aprendizado diário e a feira — conta a curadora.

Confira quem são os 19 autores da Mostra Literária

Ana Maria Machado - Presidente da Academia Brasileira de Letras. Mais de 40 anos dedicados à literatura, com mais de 100 livros publicados no Brasil e em outros 18 países, somando cerca de 20 milhões de exemplares vendidos.

Pedro Bandeira - Escritor de livros infantojuvenis mais vendidos no Brasil. Mais de 80 títulos publicados e vencedor de diversos prêmios na área da literatura, dentre os quais o Prêmio Jabuti concedido pela Câmara Brasileira do Livro em 1986, e a Medalha de Honra ao Mérito Braz Cubas da cidade de Santos, em 2013. Destacou-se com a obra A Droga da Obediência, entre outras.

Elisa Lucinda - Poeta, atriz, jornalista, cantora, fundadora da Casa-Poema, instituição sócio-educativa. Além de conhecida por seus inúmeros espetáculos e recitais em empresas, teatros e escolas de todo o Brasil, Lucinda conquistou reconhecimento por sua atuação na teledramaturgia, em trabalhos como as novela Mulheres Apaixonadas, Páginas da Vida, Insensato Coração e Aquele Beijo, entre outras produções.

Maria José Garcia Sottomayor Rosa da Silva - Escritora portuguesa, especialista em literatura infantojuvenil, autora de artigos e críticas publicadas em jornais e revistas portuguesas e em outros países sobre literatura para crianças e jovens. Há 19 anos, é membro do comitê internacional da Bienal de Bratislava, capital da Eslováquia.

Stella Maris Rezende - Mestre em literatura brasileira, escritora e atriz. Tem dezenas de livros publicados entre romances, crônicas, contos e poemas para o público adulto e infantojuvenil. Recebeu prêmios importantes como o Prêmio Nacional de Literatura João de Barro em 1986, 2011 e 2008; Bienal Nestlé 1988; os 100 Melhores Livros do Século XX/PNBE/MEC; Prêmio Fundação Biblioteca Nacional 2007; Literatura Para Todos, categoria contos/MEC 2008; Jabuti 2011 - Melhor Livro Juvenil e Jabuti 2012 - O livro do ano de ficção.

José Roberto Torero - Escritor, cineasta, roteirista, jornalista e colunista de esportes. É autor de diversos livros como Ochalaça, vencedor do Prêmio Jabuti 1995.

Vera Maria Tietzmann - Professora titular da Faculdade de Letras da Universidade Federal de Goiás, possui diversas publicações críticas nas quais se incluem ensaios e
organização de antologias, seletas e obras coletivas de crítica literária, além de obras de referência específicas sobre literatura infantil. Pela Editora RHJ, publicou Leitura literária & outras leituras: impasses e alternativas no trabalho do professor.

Carlos Augusto Novais - Filósofo, mestre e doutor em Letras, professor e pesquisador do Centro de Alfabetização, Leitura e Escrita da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Ronaldo C. Britto - Dramaturgo e escritor de livros e contos, desenvolveu pesquisas e escreveu diversos textos sobre a literatura oral e brinquedos de tradução popular.

Lucília Garcez - Doutora em Linguística Aplicada e mestre em Literatura. Foi professora de Letras da UnB e estagiou na Universidade de Lisboa. Autora da obra Técnica de Redação (Martins Fontes, 2001) e recebeu os prêmios UnB 30 anos - Obra de arte e literatura, em 1992; e a menção honrosa e publicação no Concurso Nacional: Revelação Feminina do Prêmio Cora Coralina de Contos (1986), promovido pelo Conselho Nacional dos Direitos da Mulher.

Caio Ritter - Bacharel em Comunicação Social/Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul e licenciado em Letras/Língua Portuguesa e Literatura pela Faculdade Porto-alegrense de Educação, Ciências e Letras; mestre e doutor em literatura brasileira pela UFRS.

Ligia Cademartori - Crítica literária, defendeu tese de doutorado sobre imagem poética e poesia. Já integrou comissões de jurados de prêmios literários como o Prêmio Jabuti, da Câmara Brasileira do Livro, mais importante distinção da literatura nacional.

Ricardo Azevedo - Escritor e ilustrador, autor de mais de 80 livros para crianças e jovens, muitos deles premiados. Mestre em Letras, tem livros publicados na Alemanha, Portugal, México e Holanda.

Joel Rufino - Historiador, professor e escritor, é um dos nomes de referência sobre cultura africana no Brasil. Doutor em comunicação e cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), onde lecionou literatura, tem como escritor extensa obra literária publicada, incluindo livros infantis, didáticos, paradidáticos e de outros gêneros. Trabalhou como colaborador nas minisséries Abolição, de Walter Avancini – produção da Rede Globo de 22 a 25 de novembro de 1988 –, e República, de 14 a 17 de novembro de 1989. Conquistou diversas vezes o Prêmio Jabuti de Literatura.

Leo Cunha - Escritor, tradutor e jornalista. Publicou mais de 40 livros infantis e juvenis, livros de crônicas e diversas traduções. Recebeu alguns dos principais prêmios brasileiros voltados para a literatura infantil, como Prêmio Nestlé, Jabuti, João de Barro, Fundação Nacional do Livro Infanto Juvenil, Concurso de Histórias Infantis do Paraná, entre outras distinções. Diversos livros de sua autoria receberam o selo Altamente Recomendável da FNLIJ. Como professor de jornalismo, foi um dos vencedores do projeto Rumos Itaú Cultural na categoria jornalismo cultural, em 2009. É membro fundador da Associação de Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil, ocupando anteriormente o cargo de secretário-geral. É membro do Coletivo 21, grupo de escritores mineiros.

Florentino Alves de Freitas (Tino Freitas) - Jornalista, músico, produtor cultural, escritor de livros infantis, é também mediador de leitura do projeto Roedores de Livros que, desde 2006, desperta o prazer em ler junto às crianças no entorno de Brasília (DF). Possui 3 livros publicados: Brasília de A a Z, Controle Remoto e Cadê o Juízo do Menino? – este último selecionado como um dos 30 melhores livros infantis do ano pela revista Crescer em 2010.

Francisco Marques Rocha (Chico Bonecos) - Professor e 'desenrolador de brincadeiras', como ele próprio se define. Poeta e arte-educador, dedica-se ao resgate de brinquedos e brincadeiras antigas e de memórias narradas ou, como ele diz, 'brinquedos invisíveis'. É autor de Galeio, antologia poética para crianças e adultos, obra que recebeu em 2005 o prêmio de melhor livro de poesia da Fundação Nacional do Livro Infantil.

José Paulo Teixeira - Sociólogo, colaborador do projeto Rede Cidades e autor de Escritos Militantes (1996) e de Os Donos da Cidade (Editora Insular, 1996).

Luiz Fernando Emediato - Jornalista, escritor e editor com diversos livros premiados. Ganhador do Prêmio Esso de Jornalismo. Autor de obras como A Grande Ilusão, Eu Vi Mamãe Nascer, Geração Abandonada, O Outro Lado do Paraíso, Travessia do Paraíso e Um Projeto Para o Brasil, entre outros.

 MAis Informações em:

http://diariocatarinense.clicrbs.com.br/sc/noticia/2013/10/feira-do-livro-de-joinville-tera-concursos-literarios-e-autores-de-todo-o-pais-4315574.html

1ª FEIRA DE LIVRO EM MANAUS


 A 1ª Feira do Livro , já recebeu mais de cinco mil pessoas nos dois primeiros dias, realizada naaa zona Centro-Sul da capital amazonense.

A estimativa é do coordenador da Feira, Marinho Júnior. 
-"Esse será um evento anual. Queremos mostrar os autores amazonenses e grandes nomes de fora para o público daqui", afirmou. O evento segue até dia 3 de novembro.

Um dos autores amazonenses que participa da feira é o ex-professor Robert de Abreu, de 37 anos.

Com apenas 17 anos, o estudante de Letras Jan Santos terminou o seu primeiro livro, "Evangeline - O Emissário de Fogo". 

A 1ª Feira do Livro continua até o dia 3 de novembro e terá a participação de autores como Guilherme Fiuza, Stella Maris, Tico Santa Cruz e Gabriel, O Pensador.


Mais Informações:

http://glo.bo/1avQevc 

terça-feira, 29 de outubro de 2013

DIA NACIONAL DO LIVRO - 29/10

Hoje  dia 29 de outubro é comemorado o 

           Dia Nacional do Livro.

Para a primeira biblioteca do Brasil, Portugal disponibilizou um acervo bibliográfico muito rico, vindos da Real Biblioteca Portuguesa, com mais de sessenta mil objetos.
 O acervo era composto por medalhas, moedas, livros, manuscritos, mapas, etc.
As primeiras acomodações da Biblioteca foram em salas do Hospital da Ordem Terceira do Carmo, na cidade do Rio de Janeiro.

A escolha da data foi em razão da transferência da mesma para outro local, no dia 29 de outubro de 1810, fundando-se assim a Biblioteca Nacional do Livro, pela coroa portuguesa.
Da data da fundação até por volta de 1914, para se fazer consultas aos materiais da biblioteca era necessária uma autorização prévia.

Os livros são um conjunto de folhas impressas, onde o escritor coloca suas ideias, a fim de deixá-las registradas ou para que outras pessoas possam tomar conhecimento das mesmas. Eles podem variar no gênero dos textos apresentados, sendo documentário, romance, suspense, ficção, autoajuda, bíblico, religioso, poema e poesia, disciplinas escolares, profissões e uma infinidade de áreas.

Após a criação da prensa tipográfica, por Johannes Gutenberg (1398-1468), deu-se a publicação do primeiro livro em série, que ficou conhecido como a Bíblia de Gutenberg. 

A obra foi apresentada em 642 páginas e a primeira tiragem foi de duzentos exemplares. Essa invenção marcou a passagem da era medieval para a era moderna.
O primeiro livro publicado no Brasil foi Marília de Dirceu, escrito por Tomás Antônio Gonzaga.

 Na época, o imperador do país fazia uma leitura prévia dos mesmos, a fim de liberar ou não o seu conteúdo, funcionando como censura.
Em 1925, Monteiro Lobato, escritor e editor, autor do Jeca Tatu e do Sítio do Picapau Amarelo, fundou a Companhia Editora Nacional, trazendo grandes possibilidades de crescimento editorial para o Brasil.


No Dia Nacional do Livro, Aeroporto do Recife dá obras a passageiros

http://glo.bo/1aDNFXK 


 VERÃO  DE 2013/14 - TENDÊNCIAS


Se você quer saber as tendências pro verão de 2013/14, convido a visitar o Blog de compras. 
Lá tem tudo explicadinho sobre as novidades da moda para o verão de 2013/14, para você arrasar.

Depois de ler o post você vai ficar por dentro do mundo da moda e não vai errar nas compras.

É importante nos dias de hoje estar antenado com o mundo da moda para não fazer feio no trabalho, num passeio, no dia a dia.

Afinal de contas todo mundo gosta de andar bem vestido, não é mesmo.


Então não deixe de visitar o Blog abaixo.

http://marilise36732007.blogspot.com.br/search/label/Tend%C3%AAncias%20de%20ver%C3%A3o%202013

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Agradecimento ao Autor Andrews Ulisses

Olá pessoal,

Gostaria de apresentar a vocês este vídeo feito pela aluna Evelin do 3º ano, que vai apresentar o livro do autor Andrews Ulisses, " A ilha  de Kansnubra e o portal perdido", que foi doado para a nossa biblioteca, este vídeo é um agradecimento ao autor.


RESUMO DE ASSASSIN'S CREAD - IRMANDADE

  TÍTULO   :  ASSASSIN'S CREAD -  A  IRMANDADE
                           EDITORA :  GALERA RECORD
                           AUTOR:      OLIVER BOWDEN











    RESUMO DE ASSASSIN'S CREED   - 
                  IRMANDADE



 O que aconteceu na câmara sob a capela sistina ainda assombrava Ezio Audotore. A deusa da sabedoria, Minerva, colocou uma enorme responsabilidade. Ezio, era o escolhido de seu tempo, aquele que liberetaria os oprimidos do jogo. Ele foi alertado ... deveria proteger-se contra os Bórgia e ser cuidadoso com a Cruz Templária. Seus inimigos eram perigosos e estavam dispostos a tudo para alcançar o poder. Apesar de ser habilidoso, Ezio cometeu um erro que um assassino jamais poderia cometer... ele sentiu compaixão e deixou seu maior inimigo vivo. Agora ele e seus companheiros de irmandade pagariam o preço.
Depois de uma emboscada armada pelos Bórgia, Ezio decidiu que chegou a hora de atacar o coração das forças de seu inimigo. Só havia um lugar para onde pederia ir, Roma. 
Com a ajuda de Maquiavél, uma força poderosa dentre os membros da Irmandade, Ezio daria início a seu contra-ataque. Mas Roma não é mais a mesma. 
A cidade que antes era símbolo de prosperidade, agora estava arruinada. 
Ezio honraria  o Credo dos Assassinos... lutaria contra  a injustiça e derrubaria os tiranos que estavam levando Roma a destruição.
Os planos de Cesare Borgia iam além do que Ezio imaginava. Ele não queria apenas dominar Roma, mas planejava conquistar todo o país e para isso não ligava em matar gente inocente. Para combater essa ameaça, Ezio precisou unir forças. Com a ajuda de fiéis companheiros de Irmandade, ladrões  e prostitutas, ele começou a eliniar os planos de seus inimigos. 
Mas em tempos onde o dinheiro seduz e a traição está em todo o lugar, qualquer um pode ser suspeito de conspirar, até mesmo a própria irmandade.


 COLABORADORA: ALUNA THALIA MARTINS DOS SANTOS
     COLÉGIO ESTADUAL JOÃO BATISTA VERA




sexta-feira, 25 de outubro de 2013

INDICAÇÃO DE LIVROS

Título  :  Eu Fernando Pessoa
Roteiro :  Susana Ventura
Ilustrações : Eloar guazzelli
Editora : Peirópolis

                 SINOPSE

O enredo desenrola-se a partir de uma carta na qual Pessoa explica ao amigo Adolfo Casais Monteiro o surgimento se seus principais heterônimos, Alberto Caeiro, Ricardo Reis e Álvaro de Campos, e do semi-heterônimo Bernardo Soares.







Título  : Festa de 15 anos
Editora : Prumo
Autora : Angela Carneiro
Ilustrações : Laís Dias

                   Sinopse

O foco da história é o aniversário de Carolina. Após meses de planejamento, o grande dia finalmente chega, mas algo inesperado acontece. A festa é apresentada pela autora como uma metáfora da vida, levando o leitor a se questionar sobre si mesmo e sobre o mundo à sua volta aa partir da identificação com os diferentes personagens.







Título : Cookie com Caldo de Picles
Editora : Autêntica
Texto : Julie Stenberg
Tradução : Silvia Rezende


               Sinopse

O livro aborda a perda a partir da história de uma menina cuja babá muda-se. é uma história comovente sobre a amizade e os sentimento que fazem parte do processo de crescimento.



Todos estes livros tem na  SARAIVA! 


  BOA  LEITURA!!!

















                         

     A ESCOLA , OS ALUNOS E A TECNOLOGIA

Vamos começar este texto falando de uma geração de estudantes que vive na era digital. O que isso influencia nos dias atuais no rendimento, no comportamento, na avaliação no rol escolar e de aprendizagem em geral.
A Era digital chegou para ficar, isso não tem o que discutir. O que era para geração passada, a dos pais no caso, uma dificuldade imensa em lidar com a tecnologia, os jovens de hoje,' tiram de letra,' como eles dizem.
Mas será que a tecnologia, com tantas informações em tempo real, trazem o conhecimento necessário a estes jovens dentro do âmbito escolar?
E o papel das escolas, universidades, faculdades será que se modificou, ou continua estagnada, frente a tanta tecnologia.
O acesso a informação para as pessoas com mais de 40 anos, além da família, da escola, era constituído pelo rádio, pelos textos impressos, pelo cinema, pela televisão pelo vídeo, pelos livros, pelas revistas etc. (Revista Pátio n 18 pg 07)
Esta realidade mudou, os números e as letras, não mais os assustam, pois desde berço tem contato direto com computadores, celulares, que tornaram esta prática normal. Enquanto para os mais velhos, o contato digital ainda é cheio de mistérios e melindres
Foram até intitulados de de geração Einstein (Jeroen Boschma e Inez Groe – 2006), por considerá-los mais ágeis, mais rápidos e mais sociais.
Mas esta visão esta mudando, muitos teóricos já se perguntam o que a internet está fazendo com nossas mentes e dos e dos nossos jovens,.
Como educar crianças e jovens que vivem em ambientes super-estimuladores e que geralmente se sentem entediados. (Revista Pátio nº18 pg 08).
Percebemos então que houve uma evolução na maneira como estas crianças chegam ao ambiente escolar, carregadas de uma mochila digital (Morim,2000), mas em contra partida as escolas continuam com suas concepções antigas, não sendo atrativa a ideia de receber conhecimento através de um quadro negro, e livros didáticos, quando o mundo lá fora, corre contra o tempo, e urge da necessidade de comunicação virtual.
Afinal os alunos hoje em dia, entram em sala de aula munidos de celulares e afins.
A escola nos tempos de hoje, vai se refazendo, se restruturando, para acompanhar este ritmo frenético da digitalização. É uma competição frenética, onde o conhecimento trava a batalha com a informação .
Muitas escolas já se adaptaram ao novo ritmo. No Estado do Paraná, as escolas já faz algum tempo tem uma Tv multimidia em cada sala de aula e nas salas dos professores. Alguns professores este ano já ganharam seu tablet também, pois não existe como ficar de fora, se a escola não acompanhar este ritmo frenético da digitalização, vai ficar de fora do sistema.
As crianças e os jovens precisam de atrativos para estar em sala de aula e adquirir conhecimento, pois informação eles tem bastante. Brevemente o método de avaliação também deve mudar.
Enfim, novos tempos na educação, novas maneiras de ensinar e aprender.
Sejam todos bem vindos neste rumo novo da nova escola. 

Texto escrito por:



                 
 

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Prêmio São Paulo de Literatura 2013

Maior prêmio literário do Brasil revela finalistas da edição 2013.


MELHOR LIVRO DO ANO

Daniel GaleraBarba ensopada de sangue (Companhia das Letras)
Nasceu em 1979, em São Paulo. Filho de gaúchos, passou a maior parte da vida em Porto Alegre. Em 2001, lançou o seu livro de estreia Dentes guardados pelo selo independente Livros do Mal. Cordilheira (2008) recebeu o prêmio Machado de Assis de Romance, da Fundação Biblioteca Nacional, e foi terceiro lugar na categoria Romance do prêmio Jabuti. Atualmente Daniel Galera é colunista do jornal O Globo.

E. A. Ferreira (Evandro Affonso Ferreira) – O mendigo que sabia de cor os adágios de Erasmo Rotterdam (Record)
Nascido em Minas Gerais, em 1945, e radicado em São Paulo há 40 anos, Evandro Affonso Ferreira surgiu na literatura em 2000. Participou de uma coletânea de contos organizada por Alcir Pécora em Portugal (Editora Cotovia) ao lado de Osman Lins, Dalton Trevisan, Samuel Rawet, Hilda Hilst, José J. Veiga, João Antonio e Sérgio Santana. Tem cinco livros publicados: Grogotó! (Topbooks), Araã! (Hedra), Erefuê, Zaratempô! e Catrâmbias! (Editora 34).     

Elvira Maria Vigna Lehmann – O que deu para fazer em matéria de história de amor (Companhia das Letras)
É escritora e desenhista. Nasceu em 1947, no Rio de Janeiro e atualmente mora em São Paulo. Formada em literatura pela Universidade de Nancy, na França, é também mestre em comunicação pela UFRJ. Seu romance Nada a dizer, publicado em 2010 pela Companhia das Letras, recebeu o prêmio de ficção da Academia Brasileira de Letras.

Francisco J. C. DantasCaderno de ruminações (Alfaguara)
Francisco J. C. Dantas nasceu em Riachão do Dantas, Sergipe, em 1941. Foi professor de literatura brasileira e portuguesa na Universidade Federal de Sergipe. Estreou na literatura aos 50 anos de idade, com o elogiado romance Coivara da memória (1991). A ele seguiram-se Os desvalidos (1993), Cartilha do silêncio (1997), Sob o peso das sombras (2004) e Cabo Josino Viloso (2005). Em 2000, recebeu o Prêmio Internacional da União Latina de Literaturas Românicas. Vive atualmente entre Aracaju e sua fazenda Lajes Velha, em Itabaianinha, no interior do Sergipe.

Xico SáBig Jato (Companhia das Letras)
Nasceu no Crato, Ceará, em 1962. Começou a carreira de jornalista no Recife, e atuou muitos anos como repórter investigativo. É colunista da Folha de S. Paulo e comentarista dos programas “Saia Justa” (GNT) e “TV Folha” (Cultura). Autor de vários livros de contos e crônicas, faz parte de Essa história está diferente, ficções sobre músicas de Chico Buarque.

José Luiz PassosO sonâmbulo amador (Alfaguara)
José Luiz Passos nasceu em Catende, Pernambuco, em 1971. Formado em Sociologia, doutorou-se em Letras. É autor dos ensaios Ruínas de linhas puras (1998) — sobre as viagens de Macunaíma — e Machado de Assis, o romance com pessoas (2007), que interpreta a influência de Shakespeare na imaginação moral do realismo brasileiro. Vive atualmente nos Estados Unidos, onde é professor na Universidade da Califórnia em Los Angeles.

Miguel Sanches NetoA máquina de madeira (Companhia das Letras)
Nasceu em 1965, no Paraná. É autor de quinze livros, entre romances, crítica, poesia e contos, entre eles os premiados Um amor anarquista e A primeira mulher. Colaborou com as principais publicações brasileiras e é professor de literatura na Universidade Estadual de Ponta Grossa.

Ricardo LísiasO céu dos suicidas (Alfaguara)
Ricardo Lísias nasceu em 1975, em São Paulo. Publicou em 1999 o romance Cobertor de estrelas (Rocco), traduzido para o espanhol e o galego. Em 2001 publicou Capuz (Hedra) e, em 2004, Dos Nervos (Hedra). É autor também do livro de contos Anna O. e outras novelas (Globo), finalista do Prêmio Jabuti de 2008. É autor ainda dos livros infantis Sai da Frente, Vaca Brava (Hedra, 2001) e Greve Contra a Guerra (Hedra, 2005).

Ronaldo Correia de BritoEstive lá fora (Alfaguara)
Ronaldo Correia de Brito nasceu no Ceará e mora no Recife. É médico formado pela Universidade Federal de Pernambuco. Escreveu os livros de contos As Noites e os Dias (1997), editado pela Bagaço, Faca (2003), Livro dos Homens (2005), e a novela infanto-juvenil O Pavão Misterioso (2004), todos publicados pela Cosac Naify. Dramaturgo, é autor das peças Baile do Menino DeusBandeira de São João e Arlequim. Escreveu durante sete anos para a coluna Entremez, da revista Continente Multicultural, e atualmente assina uma coluna semanal na revista Terra Magazine, do Portal Terra.

Zuenir Ventura – Sagrada família (Alfaguara)
Zuenir Ventura nasceu em 1931, formou-se em Letras e tornou-se um dos principais jornalistas do país, tendo trabalhado nas revistas O Cruzeiro, Visão, Veja e IstoÉ e nos jornais Correio da Manhã e Jornal do Brasil. Atualmente é colunista de O Globo. Entre seus livros estão Cidade partida, o romance Sagrada família e 1968 – O ano que não terminou, “irmão mais velho” de 1968 – O que fizemos de nós.

 Continue  lendo ...

Temporada de final de ano traz livros Courtney Love, Morrissey e Ringo Starr às lojas

O final do ano está se firmando como a melhor época para o lançamento de livros de memórias e autobiografias de astros do rock.

 Em 2013 não será diferente e as livrarias já receberam, ou receberão em breve, algumas obras que prometem aguçar a curiosidade dos fãs.


Uma das que eram mais aguardadas, a autobiografia de Morrissey  já chegou às livrarias da Grã-Bretanha. 
O livro foi bastante elogiado pela crítica, principalmente por ela ajudar a desvendar um pouco de uma das figuras mais misteriosas da história do rock.

Mas a obra que deverá causar mais furor é "Courtney Love: My Story", onde a vocalista do Hole e viúva de Kurt Cobain do Nirvana promete contar tudo sobre sua vida pra lá de turbulenta


MAIS INFORMAÇÕES ACESSE:

BIENAL DO LIVRO DE ALAGOAS 2013 / BIENAL DO LIVRO E LEITURA DE CAMPO MOURÃO NO PARANÁ

   BIENAL DO LIVRO DE ALAGOAS
                  2013

A 6ª Bienal Internacional do Livro de Alagoas, maior evento literário da cidade, vai reunir dezenas de escritores consagrados durante 10 dias, a partir desta sexta-feira (25), no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceió. A expectativa é de que 70 mil alunos de escolas públicas e privadas circulem pelo evento. Contando com atrações voltadas ao público infanto-juvenil, a expectativa e que mais de 70 mil estudantes de escolas públicas e privadas circulem pelo evento.

A programação promete agradar público de todos os gostos e idades. Para o público infanto-juvenil englobam lançamentos editoriais, bate-papos com escritores renomados, sessões de autógrafos e espetáculos teatrais. Na agenda infantil, os espetáculos “Gonzagão – O Rei do Baião” e “O Patinho Feio” são as principais indicações teatrais. Outra atração confirmada é a escritora Paula Pimenta, um dos grandes nomes da literatura infanto-juvenil.

Presenças e atrações confirmadas
Na edição deste ano, os patronos da Bienal são todos os escritores alagoanos. “Nós pensamos em algo que parece anônimo, mas que reflete uma singularidade. Nosso intuito é homenagear os escritores locais e valorizar a produção literária alagoana”, reforçou Stela Lameiras.

Entre os alagoanos, as presenças confirmadas são Arriete Vilela, Susana Souto, Nilton Resende, Simone Cavalcante, Vera Romariz, Luitgarde Barros, Gilda Vilela, José Marques de Melo, Jorge Calheiros e Tainan Costa.
No cenário nacional, presenças como Carlos Ocké, Gilberto Mendonça Teles, Cipriano Luckesi, Ney Sant’Anna, Carlos Libâneo, Maria Adelia, Milton Gonçalves, Irandé Antunes, Bia Bedran, Durval Muniz, Dênis de Moraes, Milton Hatoum, Cristóvão Tezza e Jarnilson Paim prometem abrilhantar o evento.
Outros nomes de peso são Lilia Schwarcs, Affonso Sant’Anna, Frei Betto, Laura Müller, Tico Santa Cruz, Gaudêncio Frigotto, Humberto Gessinger e Leda Nagle. Entre os escritores internacionais, o destaque vai para Boaventura Santos, Luís Serguilha, Catherine Dumas, Rumen Stoyanov e Alberto Filipe Araújo.

 Mais informações acesse:

http://glo.bo/1b6AGvX



BIENAL DO LIVRO E LEITURAS DE CAMPO MOURÃO - PR

O Paraná vive um bom momento literário. Escritores paranaenses ou aqui radicados vêm conquistando o mercado editorial, o público e, em muitos casos, a crítica. Junto a isso, eventos literários passam também a acontecer com mais frequência no Estado, mesmo em cidades onde antes não se fazia praticamente nada relacionado à literatura.
É o caso de Campo Mourão (a 90 quilômetros de Maringá), que sedia de hoje a sábado a 1ª Bienal do Livro e Leituras, com 52 atrações entre palestras, oficinas, exposições, lançamentos de livros, feiras de troca e programação artística. Concentrada na Avenida Comendador Norberto Marcondes, em frente ao Teatro Municipal, mas com atrações em outros pontos da cidade, a bienal – uma realização da prefeitura e da Fundação Cultural (Fundacam) – homenageia o centenário do poeta Vinicius de Morais. A entrada é franca.

 Mais informações acesse:


terça-feira, 22 de outubro de 2013

COMPRAR, COMPRAR E COMPRAR


SE VOCÊ PROCURA UM BLOG QUE CONCENTRE TUDO EM RELAÇÃO A 
 COMPRAR, VISITE O 

http://marilise36732007.blogspot.com.br/



Lá você vai encontrar muitas opções pra o que você esta procurando.


NÃO DEIXE DE VISITAR!!!!!!

Resumo e Resenha- Qual a diferença?


Esta é uma dúvida que ainda persiste para muitas pessoas que se aventuram pelo meio literário.
Tenho vistos muitos Blogs e afins, com títulos de resenha e resumos, afinal é a mesma coisa?

E nada como o bom e velho companheiro de todos os dias para nos responder, o dicionário.


Selecionei aqui algumas definições de alguns dicionários, para tirar esta dúvida cruel.

E aproveitei para revisar minhas postagens, corrigindo o que é ou não resenha e resumo.

Então vamos lá:

Minidicionário contemorâneo da língua portuguesa      -  Caldas  Aulete

Resumo: Exposição breve de um fato, acontecimento ou texto, em que apenas os aspectos mais relevantes são apresentados.

Resenha :  Texto em que se resume e se analisa um livro, descrição detalhada de algo.


Saraiva Jovem- Dicionário da Língua Portuguesa

Resumo: Ato ou resultado de resumir, exposição concisa de um fato, de uma história, de um texto etc, em que apenas as informações importantes são apresentadas, síntese, sinopse.

Resenha: Descrição detalhada. Texto que se traz o resumo e a crítica de uma obra.


Dicionário Escolar da Academia Brasileira de Letras

Resumo: Exposição suscinta de um fato ou de uma série de ocorrências, tendo em foco seus aspectos mais relevantes.

Resenha: Descrição pormenorizada de um fato em seus vários aspectos.


Pronto!  Já temos as definições para que não cometamos mais erros.

Espero ter contribuído para tirar as suas dúvidas.

Tem algo que quer saber, mande um recado, eu pesquiso para você!!

DEIXE SEU COMENTÁRIO, FICAREI FELIZ!

sexta-feira, 18 de outubro de 2013



     PARABÉNS A TODOS OS MÉDICOS PELO SEU DIA.


Profissionais  que amam o que fazem, que se dedicam a salvar vidas.
Profissionais que fazem vidas vir ao mundo.

Parabéns pelo dom!




       


 

PRIMEIRO LUGAR PRÊMIO JABUTI 2013 É NASCIDA EM FORTALEZA

                           INCENTIVO  À  LEITURA



A escritora  SOCORRO ACIOLI, tira o primeiro lugar do Prêmio Jabuti 2013.

Nascida em Fortaleza, em 1975, é jornalista, com Mestrado em Literatura Brasileira pela Universidade Federal do Ceará. No ano de 2007, recebeu a bolsa Biblioteca Internacional da Juventude de Munique, Alemanha, onde morou poe dois meses pesquisando personagens na literatura infantil e juvenil.
Comemorando 10 anos de carreira, a escritora cearense Socorro Acioli venceu o Jabuti 2013 na categoria infantil, o prêmio de literatura mais importante do Brasil. Ela diz: -  "São 10 anos desde o primeiro livro, chegou em um bom momento".
 Ela foi a primeira colocada de uma lista de 10 finalistas do Jabuti com a obra “Ela tem olhos de Céu”. 
O livro conta a história de Sebastiana, que tem "olhos de céu" e provoca fenômenos que deixam a população de Santa Rita do Norte em polvorosa.

Socorro Acioli tem 17 livros publicados, entre obras infantis, infantojuvenis e biografias.

Em 2014, ela lança "A Cabeça do Santo", um romance que conta curiosa história da estátua de um santo que nunca foi concluída, cuja cabeça está há anos em uma rua da cidade de Caridade, no Sertão do Ceará. Apesar de se tratar de uma ficção, a cabeça do santo da estátua inacabada se encontra de fato em uma rua no Centro da cidade.



                COM ESTE LIVRO ELA GANHOU O PRÊMIO JABUTI 2013
 

A BAILARINA FANTASMA DA MESMA AUTORA, É UM DOS LIVROS MAIS LIDOS NA BIBLIOTECA MACHADO DE ASSIS, ONDE TRABALHO.





 O BLOG PARABENIZA ESTA EXCELENTE AUTORA PELO PRÊMIO QUE GANHOU MERECIDAMENTE.

A árdua tarefa de incentivar a leitura se torna mais fácil, quando temos escritores do gabarito de   SOCORRO ACIOLI.
Com tantos novos talentos surgindo a cada dia, devemos valorizar sempre e sempre autores novos e os já consagrados, a leitura tem espaço pra todos os generos de literatura.

O importante é estarmos sempre dentro deste  mundo mágico da leitura, que abre caminhos, abre imaginação, abre a cabeça de todos nós para realidade que talvez in loco, nunca iremos conhecer.

Pessoas como eu que trabalham com livros diariamente, conseguem visualizar um mundo melhor, onde tem oportunidade de mostrar a outros, novas chances de vida, opção de caminhos alternativos, pois acho que a pessoa que lê, sem sombra de dúvida tem seu censo crítico mais aguçado, não vai ser tão facilmente enganada pelas estradas tortuosas desta vida, onde quem detem o poder, manipula, distorce e engana a quem não tem o conhecimento da verdade.
E este conhecimento só vai chegar até as pessoas através da leitura.

Por isso a proposta do meu Blog, não é  simplesmente fazer resenhas de livros, pois quem não gosta de ler, não vai entrar no meu Blog.
Procuro diversificar, ter muitos assuntos, desde uma simples poesia, até uma receita de bolo. 
Há quem goste de tudo, por isso insisto que a leitura não é só de livros, mas de tudo em geral, quem sabe lendo aqui e ali, você descobre um gênero de que goste e siga por este caminho.

Acho que as escolas deveriam incentivar seus alunos a lerem, a escreverem, terem um Blog de literatura, mostrarem além de um quadro negro, provas de avaliação e o cotidiano normal da escola.

É preciso mais do que  isto prara atrair novos leitores, atrair escritores, a escola tem que ter uma visão mais além do espaço escolar tradicional. A criança, o jovem de hoje, não se prende mais a um quadro negro, os celulares os acompanham onde quer que vão, com eles a tecnologia junto.

O que fazer para que eles leiam mais, para que eles se interessem mais por livros?
Cada um deve procurar um meio de descobrir isso.

Eu estou tentanto unir as duas coisas, convido os alunos leitores a fazerem suas resenhas, e eu posto no Blog, com créditos para eles como meus colaboradores. 

Resultado????

Perfeito, deu certo, aos poucos as resenhas estão chegando, e assim eu incentivo a leitura e de quebra a escrita também. 

Espero que tenha servido de incentivo a todos que lerem este texto.

E mais uma vez meus parabéns a Socorro Acioli, uma brasileira com muito orgulho, que faz valer seu esforço e dedicação ao incentivo à leitura.

Mais informações :

http://glo.bo/19dlxJK

LIVROS RECOMENDADOS PELA REVISTA VEJA


AUTOR:     EDNEY SILVESTRE
EDITORA: INTRÍNSECA
PÀGINAS : 240


ESTE LIVRO VOCÊ ENCONTRA NA LIVRARIA SARAIVA


É um livro sobre o exílio. Narra as desventuras de dois personagens que, em diferentes épocas, se veem obrigados a deixar o Brasil. Preso e torturado pela ditadura militar, em 1970, Paulo consegue escapar primeiro para o Chile e depois para a Suécia, onde se apaixona poe uma militante da Anistia Internacional. Já Barbara se torna imigrante ilegal nos Estados Unidos em 1991; sem falar inglês, sobrevive de bicos e subempregos. No contraste entre essas duas histórias de estranhamento cultural, Edney Silvestre traça um amplo panorama ficcional do Brasil no passado recente.





TÍTULO :  ESTADO CRÍTICO
AUTOR  :  RÉGIS BONVICINO
EDITORA : HEDRA
PÁGINAS : 114


O paulista Régis Bonvicino é um dos nomes da poesia brasileira contemporânea.
ESTADO CRÍTICO, são poemas ásperos, tanto na matéria de que tratam centrada na brutalidade da vida das metrópoles contemporâneas, quanto na dicção que Bonvicino vem depurando, com seus versos curtos e explosivos.

ESTE LIVRO VOCÊ ENCONTRA NA LIVRARIA CULTURA.



ESPERO QUE TENHAM UMA EXCELENTE LEITURA!!!!!!!



terça-feira, 15 de outubro de 2013

Dia dos Professores

Boa Noite.


Hoje é o Dia dos Professores.

Desejo a todos uma noite de benção em suas vidas.
Profissionais com o dom de ensinar, de transformar vidas, tenham todos o meu respeito e admiração.
Que todos os governantes  saibam reconhecer esta classe cada vez mais desvalorizada.

 

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

LANÇAMENTO DE LIVRO

       AUTOR:Luiz Carlos Góes 

       EDITORA: GIOSTRI

“Teatro Nervoso” reúne situações limites dos personagens em 22 peças teatrais.

TEATRO NERVOSO são 22  peças que retratam uma situação limite dos seus personagens. Todos os personagens estão tendo uma revelação durante a ação, todos aguentaram demais uma série de coisas que não queriam aturar e vão se enchendo até explodirem.

 

                         SOBRE O AUTOR

Estreia como autor em 1976 com “Síndica, Qual é a Tua?”, direção de Antonio Pedro com Marília Pêra, Nelson Xavier, Jacqueline Laurence, Buza Ferraz e Djnane Machado e “Dá Uma Entradinha Rápida Só Para Você Sacar Como Esse Homem Me Ama”, direção de Amir Haddad, na qual participava também como ator. 

Teve muitos textos teatrais montados entre eles: “Esse É O Ano Que É”, direção de José Lavigne, com Pedro Paulo Rangel, Maria Padilha, Guida Vianna e Caíque Ferreira; “Noites de Cabrita”, direção de Bibi Ferreira.

Castiçais” (5 anos em cartaz,) direção de Regina Casé com Luiz Fernando Guimarães; “The Last Straw”, direção Vera Setta em NY – EUA; “No Escurinho do Cinema”, com Patrícia Travassos e Jorge Fernando, direção de Jorge Fernando. Indicado ao Prêmio Shell de Autor .“Boom!” – (12 anos em cartaz), direção de Marcus Alvisi, com Jorge Fernando.
Com Eduardo Dussek fez músicas como: Barrados no Baile, Folia no Matagal, Seu Tipo, Aventura, Doméstica, entre outra,s e trilhas para espetáculos e com as quais foi indicado ao Troféu Mambembe de 1980.


COMPRAR COMPRAR COMPRAR!!!!!!!!: ESMALTES, A PAIXÃO NACIONAL DAS MULHERES.

COMPRAR COMPRAR COMPRAR!!!!!!!!: ESMALTES, A PAIXÃO NACIONAL DAS MULHERES.:                         O ASSUNTO É E S M A L T E O esmalte nosso de cada dia é a paixão nacional das mulheres. Muito difícil en...

ESTADUAL EDUCA: Regime Militar

ESTADUAL EDUCA: Regime Militar: Disciplina: História Professora: Berenice Teresinha Dalla Costa 9º A e B Turno: Matutino O Regime militar  foi o período da política br...

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Palavras de Luz: VOLTAS

Palavras de Luz: VOLTAS: A Terra gira e deve contar com sua participação. É lamentável viver e nada acrescentar aos companheiros de jornada. A Humanidade deve con...

FEIRA DO LIVRO E FRANKFURT

NOTÍCIAS DA FEIRA DO LIVRO DE FRANFURT

 

Entre aplausos e vaias, Brasil dá largada à Feira do Livro de Frankfurt

http://www.dw.de/entre-aplausos-e-vaias-brasil-d%C3%A1-largada-%C3%A0-feira-do-livro-de-frankfurt/a-17145841 

 

ABL convida participantes da Feira Internacional do Livro na Alemanha a conhecer a literatura brasileira

http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-08/abl-convida-participantes-da-feira-internacional-do-livro-na-alemanha-conhecer-literatura-brasileira 

Feira do Livro de Frankfurt é aberta e terá culinária mineira em exposição

http://g1.globo.com/minas-gerais/noticia/2013/10/feira-do-livro-de-frankfurt-e-aberta-e-tera-culinaria-mineira-em-exposicao.htm 

 

Após boicotar Feira de Frankfurt, Paulo Coelho critica governo brasileiro

http://entretenimento.uol.com.br/noticias/deutsche-welle/2013/10/06/apos-boicotar-feira-de-frankfurt-paulo-coelho-critica-governo-brasileiro.htm 

 

Brasil leva debate sobre sua identidade à Feira de Frankfurt

http://br.noticias.yahoo.com/brasil-leva-debate-identidade-%C3%A0-feira-frankfurt-162334054.html 

 

 

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Resumo do Livro Silêncio




  TÍTULO  |:   SILÊNCIO
   AUTOR  :   BECA FITZ PATRICK
  EDITORA :  INTRINSECA


                                                        
                  RESUMO



Nora Grey, a principal personagem do livro, fica em choque quando no ínicio acorda em um cemitério e descobre que ficou desaparecida por semanas.
Nora não consegue se lembrar dos últimos cinco meses.
Ela precisa voltar a sua rotiana, ir à escola, reencontrar com sua melhor amiga Vee, e ainda aprender a conviver com o novo namorado da mãe, Hank millor, o pai da menina que ela mais odeia.
Nora é assombrada por pensamentos com a côr preta, que surge do nada em sua mente e parece conversar com ela, visões de anjos, criaturas sobrenaturais.
O médico de Nora, diz que ela pode sofre de alucinações, mas ela não  acredita que possa ser, pois é tudo muito real.
Nora conhece Jev, e como se fosse um Dejávù, ela sente que já conhecia ele antes da perda de memória. E no decorrer do tempo ele conta que realmente já se conheciam, mas ele não se chama Jev, mas sim Patch, por um momento Nora começa a se lembrar de Patch, e aos poucos ela foi se apaixonando por ele (de novo) pois antes da perda de memória, eles eram namorados.
Nora começou a recuperar a memória com ajuda de seu amigo Scott, ele contou tudo que sabia para Nora, todas as coisas que haviam acontecido enquanto ela estava desaparecida, e o que aconteceu antes também.
Depois de toda a história que Scott contou, Nora tirou a conclusão que Patch é um anjo caído, ou seja, um anjo que foi expulso do céu, e que Scott é um nefilim, ou seja, seres com poderes sobrenaturais.
Não, ela não ficou assustada, nem surpresa, pois ela de algum modo já sabia, só estava relembrando.
Patch não gostava de Scott, porque nefilins não são amigos de anjos caídos.
Patch e Scot estão sendo procurados pelo vilão da história Mão Negra, também conhecido como Han Millor, ele comanda um exercito de nefilim, e quer se vingar de todos os anjos caídos. Sim, Scott não é um anjo caído mas, como ele se recusou a ajudar Mão Negra em seu exercito, também será procurado. 
Foi Mão Negra que apagou a memória de Nora, e agora ele está namorando a mãe dela para facilitar seu plano, é claro qie ele usou algum tipo de poder para fazer com que a mãe de Nora gostasse dele.
No final Nora descobre que Hank Millor, o Mão Negra é seu pai biológico, mas para ela isso não faz a menor diferença. Hank fica furioso e obriga Nora a fazer juramento de sangue, se ela não fizesse, sua mãe morreria.
Hank disse que ela teria que comandar o exercito nefilim, quando ele morresse, ele sabia que morreria logo, por isso fez com que ela fizesse esse juramento agora.
Nora fez o juramento de sangue e foi embora com a mãe.
Patch e alguns outros anjos caídos, conseguiram prender o Mão NEGRA,  mas não o mataram, pois Patch prometera para Nora que deixaria  ela matá-lo. Ela tinha muito ódio dele e queria se vingar.
Quando Nora se depara com Hank, nas correntes pronto pra levar um tiro e queimar eternamente no inferno, ela ameaça, mas não atira, pois achava que matá-lo seria muito pouco doloroso para ele, ela queria que ele sofresse preso nas correntes por um bom tempo.
Mas quando ela e Patch estão saindo de perto dele, Hank ameaça queimar uma pena de Patch ( quando algum nefilim estiver com uma pena de anjo caído e resolver queimá-la, isso fará com que o anjo morra) . 
Nora sem pensar duas vezes da um tiro na cabeça de Hank.
Nora agora terá que comandar o exercito Nefilin que já esta prestes a ter uma guerra contra os anjos caídos.


COLABORAÇÃO DA ALUNA 
THALIA MARTINS DOS SANTOS
 1º ANO DO ENSINO MÉDIO
 COL. EST. JOÃO BATISTA VERA
            PIRAQUARA - PR - Brasil

Como arrumar um bom emprego

         TRABALHO E SUCESSO, VOCÊ TEM QUE SE ATUALIZAR.



Mercado de Trabalho.

            
          É sabido que nos dias de hoje o mercado de trabalho esta em constante renovação, e as vagas para emprego, concursos e outros, estão cada vez mais concorridas. 
É só passar os olhos pelos sites de empregos, redes sociais, jornais especializados, que vemos a procura por profissionais de diversas  áreas.
Mas junto com estas estatísticas, acompanhamos também diversos profissionais que dizem não se enquadrarem nas vagas disponíveis. 

Qual o problema? quaal o segredo?

Na verdade o mundo está em constante renovação.
E hoje em dia o profissional que quiser ter um lugar ao sol, tem que se renovar também.
Como? Não vejo outra solução, senão estudando, se atualizando, procurando sempre saber o que o mundo esta oferecendo, o que esta contando.
Um profissional desatualizado, sem informações, sem conteúdo, infelizmente esta fadado não digo ao fracasso, mas ao esquecimento.
Cultura adquirida, nunca é demais.
Se você não lê um jornal, um site de notícias, um livro ou similar, é muito difícil se manter antenado com as novidades que estão à disposição de todos nós.
Agora se você não tem tempo disponível, por motivos diversos, que tal estudar em casa nas horas vagas!


Cursos 24 Horas

Educação a Distância - Cursos 24 Horas

Cursos On line 24 Horas

O curso 24 horas vem para ajudar você a se preparar melhor para este mundo que esta em constante movimento.

Temos também o Portal Educação,  com Cursos on-line, de ótima qualidade e excelente retorno.

Então, não deixe passar esta oportunidade de se atualizar, subir na carreira, adquirir conhecimento, seja o melhor dos melhores no que você faz, só assim será reconhecido por seu potencial!