Bem Vindos

terça-feira, 12 de maio de 2015

Resumo do Livro " O Reizinho Mandão "

                                              "O Reizinho Mandão"
                        Autora Ruth Rocha
                    Ilustrações de Walter Ono
                                FTD

                                      
Resultado de imagem para imagens do livro o reizinho mandão



Num lugar muito longe, tinha um rei, daqueles que têm nas histórias, um rei bonzinho, justo e que fazia tudo para o bem do seu povo. Mas era muito velhinho e morreu, e o príncipe, seu filho , virou rei daquele lugar. Esse príncipe era muito mal-educado, mimado, daquele que as mães fazem todas as vontades e que acham que são donos do mundo.
então esse príncipe se tornou rei no lugar do pai, e ele era um rei muito chato, mandão e implicante.
Resultado de imagem para imagens do livro o reizinho mandãoEle só queria saber de fazer leis, as mais absurdas do mundo. Como poe exemplo -" É proibido dormir de touca na primeira quara feira do mês" e muito mais.
Os conselheitos não sabiam mias o que fazer, pois o reizinho não ouvia ninguém. Se alguém tentava falar ele já gritava
-" Cale a boca! Eu é que sou o rei, eu é que mando"
Com isso s pessoas foram se calando, de medo de levar bronca do rei.
Até que chegou um dia, em que o reizinho percebeu que ninguém no reino sabia falar. Ninguém. 
O reizinho até que gostou, pois assim poderia falar a vontade sem que ninguém o interrom,pesse.
Mas ele se cansou de  falar sozinho, e tentou falar com s pessoas do reino, mas as pessoas não sabiam mais falar, e ele viu  o que tinha feito, e ficou muito triste.
Daí resolveu visitar  o reino vizinho, que sabia ter um sábio que o ajudaria. E levou consigo o papagaio do reino.
E assim ele fez. Quando chegou no outro reino, até se assusrou, todo mundo cantando, conversando...
Ele aí encontrou o sábio, um velho miudinho que falava pekos cotovelos. Se fosse antes o reizinho is logo mandar que ele se calasse. Mas o reizinho estava diferente.
O velho  sábio deu um baita " pito " no reizinho.
-Pois é, ele dizia. Vai mandando calar a boca não é ? Depois aguenta, é isso o que dá.
-Mas eu quero consertar isso, disse o reizinho.Resultado de imagem para imagens do livro o reizinho mandão
-O que eu faço?
O sábio disse;
- Saia pelo seu reino batendo de porta em porta. Se conseguir encontrar uma criança, uma só, que ainda saiba falar, ela vai dizer o que você precisa ouvir. e nesse dia acaba a maldição. 
E lá se foi o reizinho. Batendo de porta em porta, procurando uma criança que falasse.
Batia e nada.Até que um dia... o reizinho chegou perto de uma casa, e do lado de dentro fecharam a janelas, e ele bateu, bateu e disse que não sairia dali, até que abrissem a porta pra ele.
Aí a porta foi se abrindo e apareceu uma velha.
O reizinho perguntou:
- Minha senhora, nesta casa existe uma criança que ainda saiba falar?
A velha sacudiu a cabeça e olhava pra dentro assustada, então o reizinho empurrou a porta e foi entrando. Lá no fundo, no escuro, tinha uma menina magrinha, de trança comprida e avental xadrez. Aí o reizinho foi indo na direção da menina e perguntou.
- Então, linda menina! Não vai dizer alguma coisa?
A menina nada.
Então o rei disse:
- Olhe aqui minha filha! Eu sou o rei, sabia?
O papagaio ouvindo a voz antiga do reizinho, gritou:
-Cale a boca, cale a boca!
Quando a menina ouviu isso, gritou bem alto:- Cale a boca já morreu! Quem manda na minha boca sou eu!.
No mesmo instante ouviu-se um estalo, como um trovão e começou um barulho estranho, eram vozes e mais vozes.
Homens, mulheres, crianças, velhos, todos gritado e rindo.
O reizinho ficou tão assustado com tanto barulho que saiu apavorado correndo pela estrada. Ninguém sabe o que aconteceu com ele, uns dizem que desistiu de ser rei, outros dizem que virou um sapo e procura uma princesa que o beije e quebre seu feitiço.


   ESPERO QUE GOSTEM DESTA LINDA HISTÓRIA E CONTEM PRAS CRIANÇAS