Bem Vindos

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

A Origem da Pizza



       A ORIGEM DA PIZZA

A palavra pizza é utilizada em quase todo o planeta, mas não  se sabe como surgiu. Também a origem do alimento é incerta. É provável que seja uma derivação fermentada dos pães ázimos, aqueles achatados, em forma de disco, comuns a várias culturas orientais e conhecidos hope como pão sírio. Alías a massa de pizza faz parte de uma vasta família de ingredientes espalhada por todo o mundo, como o pão etíope injera, o armênio lavosh, o árabe pita, e o mexicano tortilha, feito de milho.

       A PIZZA E OUTROS POVOS
  Os fenícios, na Antiguidade, e os turcos, na Idade Média, tinham uma preparação baseada numa espécie de pão achatado coberta com carne e cebola.   
 Os gregos introduziram a ideia de assaar as coberturas junto com a massa, preparação conhecida como plakuntos. 
Na mesma linha, os romanos criaram a placenta, uma espécie de torta feita de farinha de trigo coberta com quijo misturado com mel, louro e azeite. 
 É possível que essa preparação tenha entrado na europa, na época das Cruzadas, por Nápoles, na Itália, e dado origem à pizza moderna, que mais tarde recebeu cobertura de queijo e, no século XVI, a adição de tomate. 

              A PIZZA NO BRASIL 
 No Brasil, as massas para pizza que encontramos prontas seguem o padrão de identidade e qualidade do pão e como tal precisam conter farinhas que contemplem proteínas formadoras de glúten. Como ingredientes opcionais, fibras, sal, açúcar, mel, leite ou derivados. Embora a cobertura de queijo seja conhecida em boa parte do planeta, a imaginação é o limite para cobrir a massa. 
  O francês usa ovos estalados; o indiano carne de carneiro picada e temperada com gengibre; o russo, vários tipos de peixe; o alemão, o atum enlatado; o australiano aprecia abacaxi com frango desfiado; o inglês tem uma pizza com a borda feita de cachorro quente.


Não importa qual a cobertura de sua preferência. O que é importante é saborear uma boa Pizza.
Bom Apetite!